Tribo urbana

sexta-feira, 16 de julho de 2010

por Dannis Heringer

As tribos urbanas (ou metropolitanas ou regionais) são constituídas de microgrupos que têm como objetivo principal estabelecer redes de amigos com base em interesses comuns. Essas agregações apresentam uma conformidade de pensamentos, hábitos e maneiras de se vestir. Um exemplo conhecido de tribo urbana são os punks. Segundo Michel Maffesoli, o fenômeno das tribos urbanas se constitui nas "diversas redes, grupos de afinidades e de interesse, laços de vizinhança que estruturam nossas megalópoles. Seja ele qual for, o que está em jogo é a potência contra o poder, mesmo que aquela não possa avançar senão mascarada para não ser esmagada por este".

A expressão "tribo urbana" foi cunhada pelo sociólogo francês Michel Maffesoli, que começou a usá-la nos seus artigos a partir de 1985. A expressão ganha força três anos depois com a publicação do seu livro Le temps des tribus: le déclin de l'individualisme dans les sociétés postmodernes.

E o que seria então a famosa expressão “Geração Delírio”? Esse termo tão conhecido das pessoas de Nova Iguaçu e que acabou virando discussão tem por fim uma conclusão. A música Canção p’ros ratos é o símbolo da tribo que, além de juntar uma “galera” que curte o bom e velho rock’n’roll, reúne uma série de outras tribos, como os punks, os hippies e os góticos. A “Geração Delírio” nada mais é que uma tribo sem preconceitos. As pessoas estão apenas ali para curtir. "A moda nasce nas ruas e morre nas vitrines pra geração delírio supersônica", diz a canção do SOFIAPOP.

Vamos então começar do ponto de partida, quando papos sobre música ajudaram a consolidar a amizade entre Paulinho e Adriano a cerca de 10 anos. A primeira banda que formaram, a Papillon, tocava covers e poucas músicas autorais. Paulo Vitor, hoje guitarrista da Spllash, também participava dessa banda. As primeiras composições do grupo, sempre de autoria de Paulinho, iam do reggae ao punk rock.

Quando o grupo resolveu se dedicar somente ao rock’n’roll, já no ano de 2005, a banda foi rebatizada como SOFIAPOP. “O nome da banda vem de uma idealização de uma garota que fosse legal, que andasse com a “turma”, que saísse pra dançar com a gente”, diz Adriano.

A “Geração Delírio” deixou de ser apenas um verso depois que Adriano começou a assinar os convites como GERAÇÃO DELÍRIO. “Isso foi só uma artimanha para não colocarmos SOFIAPOP apresenta: SOFIAPOP”, confessa Adriano. O primeiro convite assinado como GERAÇÃO DELÍRIO foi para um show no Bar Raízes, em 2006. E mais tarde no myspace começaram a dizer: “Para a Geração Delírio supersônica”.

As coisas começaram a crescer no show da Gomes Freire, na Lapa, no primeiro Cabaré. Uma enorme faixa “Geração Delírio” foi pendurada na sacada do sobrado, o que acabou virando uma marca registrada das apresentações da banda. “Os jovens precisam se sentir acolhidos em alguma turma e nós somos abertos para a “turma” entrar”, diz Adriano

Uma das bandas mais conhecidas na cena independente daqui da Baixada, a SOFIAPOP é formada por Paulinho, Adriano, Zozio, Rafinha e Tuninho.

34 Comentários:

-Mÿ:. disse...

O melhor da Baixada...Geração Deliriooo.

Dennis disse...

Muito Louco!
parabéns!

°º Chris º° disse...

A Geração Delírio ainda dará muito o que falar! Parabéns Dannis!

Vinicius disse...

A Geração Delírio é o segredo menos secreto da Baixada, a forma de expressão sem pudor e nem preconceito.
Não existe nada que se compare a força dessa onda, e essa galera veio pra ficar.

Excelente trabalho com a matéria, Dannis, acho que a galera tá mesmo precisando saber que existe atitude e irmandade por aqui.

A Geração Delírio é futuro, com uma pitada de passado que acontece no presente.

Anônimo disse...

mó legal a idéia =D, a banda parece ser ótima também.um dia ainda vou a um show ;)

fábioObranco disse...

Somos supersônicos!!!!!!!!!!

moloch! disse...

de.lí.rio
sm (lat deliriu) 1 Exaltação de espírito, alucinação. 2 Excesso de paixão ou sentimento. 3 Entusiasmo, transporte. 4 Med Desvairamento, perturbação temporária das faculdades intelectuais, motivada por moléstia e caracterizada por excitação mental, desassossego, desorientação, incoerência da fala e muitas vezes alucinações. Var: deliração, deliramento. D. alcoólico: o mesmo que delirium-tremens. D. alucinatório, Med: alucinose. D. de grandeza, Med: convicção ilusória de uma pessoa, que consiste em sobrestimar sua própria importância, grandeza, poder, riqueza etc.; megalomania. D. de negação, Med: ilusão de que falta alguma parte do próprio corpo, ou de que o mundo cessou de existir. D. febril: o delírio da febre. D. furioso: excitação violenta, observada em algumas doenças psíquicas; também chamado delírio maníaco. D. maníaco: o mesmo que delírio furioso.

moloch! disse...

Em nome dos sábados mais charmosos
as noites mais sacanas
as farras mais sinistras
as gatas mais cheirosas
em nome das cintras de 1 litro
dos cabos
das caixas
e microfones que dão pau
sacos de gelo, latinhas (ou latões)
sorrisos largos e um certo nariz em pé pros caras que se acham donos do sistema

kkkkkkkk

A geração delírio é um monte de coisa gostosa misturada com elemento X, pra fazer sua vida um milk shake gostosão!

:O)

Lanna disse...

mt boa a matéria, a história de como nasceu essa Geração :D

CAGADO disse...

somos um trem bala.

moloch! disse...

trem bala foi legal

moloch! disse...

CARACA!
TÔ VENDO AQUI QUE O CULTURANI JÁ VEM FALANDO A MUUUUUITO TEMPO SOBRE ESSA FARRA DESENFREADA QUE TÁ ROLANDO E RALANDO NA BAIXADA. ADORO REVER AS MATÉRIAS E CURTIR PRINCIPALMENTE OS COMENTÁRIOS.
KKKKKKK
FORÇA TURMA!
QUE ESSA GANGUE TÁ DISPARADA LÁAA NO TOPO DA COLINA...

YEAH!

:o)

Freetz disse...

Mto bom!

Amiiga , ameii seuu trabalhoo a matéria ficou ótima, amo você !

Anônimo disse...

aí dannis arrebentou gata,
supersônica
continue assim!
bjo
adr

Danilo disse...

Achei muito legal isso da Geração Delírio, nunca fui em evento nenhum, quem sabe um dia eu não compareço, essa turma vai botar pra quebrar mais e mais.

Abraços.

caio disse...

que mané tribo !
isso ai é formação de quadrilha
é gangue hahahaha

Juliana Leite disse...

É admirável essa postura de liberdade e igualdade humana.

Boa matéria!

Anônimo disse...

Excelente a iniciativa do Cultura NI. A geração Y está provando que tem tudo para inovar.
Marcio Gonçalves

moloch! disse...

QUERO VER O DIA QUE AGENTE INVADIR MESMO

COMO DISSE O CAIO, FORMAÇÃO DE QUADRILHA E CONTRABANDA DE INFORMAÇÃO!

KKKKKKKKKKKKKKKK

Dannis disse...

HAHAHAHAH, só você paulo vitor! hehehehhe NÓS VAMOS INVADIR!!!

Steve disse...

INVADIR , mas sempre de olho na galerinha que quer se aproveitar kkkkkkkkkkk

moloch! disse...

A GERAÇÃO DELÍRIO NÃO INAVADIU NADA!
PURO CAO!SÓ RESSALTAR QUE A GERAÇÃO DELÍRO NÃO PODE ESCREVER NO BLOG, O BLOG SÓ PODE FALAR DA GENTE, MAS AGENTE ESCREVER NÃO PODE...

NEM TODO MUNDO É CULTURA NÉ?

Parabens Linda matéria, Vocês Reporte's estão de Parabêns... Vou trazer vocês Para O GLOBO para trabalhar comigo!

Diego Trocato disse...

Muito egocentrismo falar de si mesmo...
Se fosse assim os jovens repórteres falavam de si próprio em vez de falar dos outros, aliás, eles também são cultura.
Acompanho o trabalho deles a muito tempo e sei muito bem que aqui não é nehuma assessoria de imprensa de nenhum grupo cultural, muito menos de uma geraçãozinha maconha!!!

Diego Trocato

moloch! disse...

ADOREI A GERAÇÃOZINHA MACONHA
KKKKKKKKKKKKKKK
A RODA GIRA COM POLÊMICA
BEM, QUEM QUER FALAR DO DIEGO TROCHATO LEVANTO O DEDO...

....
....
...
..

KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK
VIVA A HEMP GENERATION

Felipe disse...

Bem lembrado Diego , é essa "GERAÇÃOZINHA" como você mesmo disse que não para de sair em matérias desse blog , alias se você é cultura tambem deveria se ligar mais no que você fala , porque o que ta faltando em você mesmo é a total falta de cultura !!!

moloch! disse...

KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

GENTE, QUE POLÊMICA, ESSE DIEGO SÓ FALA MERDA MESMO!
KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

Genomades disse...

quem é diego trocato ??


á é aquele q se acha algo



tu nao é ninguem cara e nao tem noçao do q somos.....

vitoria disse...

kkkkkkkkkkk viaja nao hein daniiis kkkkkkkk monta uma companhia de viagens kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

tchatchos disse...

de geraçao tu nao entende é nada rs mas de delirio tu ta entendendo..

a minha turma faz revolução com cartões de credito..... :O)

moloch! disse...

acho que esse diego trochato mexeu com a galera errada....

viu? foi falar mal da galera mais quente do rio.
ficou mal na fita, no blog e na baixada!

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

fora diego trochato!

:O)

disse...

sofia pop é bom pra caralho!
as tribos sempre brigam entre si e tornam-se presas fáceis para o poder constituído.
é assim com as tribos urbanas e foi assim com as tribos do passado.
o império agradece.

Marcão Baixada disse...

3 Vivas a Geração Delírio...

Postar um comentário

 
 
 
 
Direitos Reservados © Cultura NI